SAL, LIMÃO E UMA BOA TEQUILA!

19/02/2016

“Arriba, abajo, al centro y adentro.” A expressão mais usada entre os apreciadores da tequila, a bebida mais famosa do México, nos levará até a fundo em sua história rica em sabor, tipos, curiosidades e muito mais. Separe uma pitada de sal, corte uma fatia de limão, encha uma dose dessa maravilha e vamos lá!

Agave-azul: principal ingrediente para a fabricação da tequila. Seu miolo é aparado para a extração da seiva que, por sua vez, é fermentado e destilado.

Proveniente da região de Jalisco, no México, a agave-azul é uma planta muito parecida com o abacaxi. Seu miolo se chama piña – lembrou Piña Colada, lembrou Zapata –, e seu consumo na forma crua não é indicado devido ao alto teor de açúcar e por ser levemente venenosa. O processo de fabricação da tequila inicia com o cozimento e trituração das piñas que, enfim, são levadas à fermentação. É aí que começa o processo de diferenciação da bebida: para a tequila 100% agave, a planta apenas fermenta. Já para outros tipos de tequila, acrescenta-se o açúcar da cana de diferentes espécies para que a transformação em álcool apareça.

Os quatro tipos básicos de tequila são o Blanco, o Reposado, o Joven e o Anejo. Mas existem outras variações, inclusive a 100% Agave, o Blended, entre outros. Qual sua preferida?

Existem lendas que levam o surgimento da tequila até o povo asteca. Uma delas diz que a deusa da fertilidade, Mayahuel, cortou um pedaço da planta e deixou descansar, o que ocasionou na transformação de uma variação da tequila. Outra, diz que os astecas descobriram a seiva já fermentada, após um raio atingir uma plantação de agave. Queimadas, as plantas liberaram um néctar aromático o qual chamavam de “dádiva de Deus”. E para quem se pergunta o que seria essa dádiva, podemos dizer: tequila!!!

Tequila gelada? No México, ela é comumente consumida assim, bem com em temperatura ambiente. As “reposado” e “plata” (outra variação) são deliciosas com as garrafas pré-geladas. Que tal experimentar?

A tequila verdadeira – com selo “ardente” de autenticidade, rs – precisa ter, pelo menos, 51% de açúcar em sua composição, além de ser fabricada em algum desses estados: Guanajuato, Michoacán, Jalisco, Tamaulipas e Nayarit. Porém, sua graduação alcoólica, em média, é de 40%. O México cobra direito internacional, exclusivo, da palavra “tequila”, mas aqui no Brasil a gente quer mesmo é aproveitar essa bebida quente e deliciosa! ;  )  

Solicitar Reserva


A reserva será confirmada por telefone.